Título: Aspectos positivos e negativos da produção de Energia Eólica no Distrito do Tamboril, Morro Do Chapéu - Bahia
Autor(es): DIAS, Clarine Silveira
Palavras-chave: Sustentabilidade
Energia
Geossistema
Data do documento: 15-Jun-2018
Resumo: Analisando o cenário atual do sistema energético brasileiro, este trabalho retrata de que forma a inserção da matriz energética eólica no sistema de produção de energia tem afetado sociambientalmente a população baiana no distrito do Tamboril, localizado no município do Morro do Chapéu – BA. Tendo em vista o aumento das preocupações com o meio ambiente, pesquisas realizadas com o intuito de promover maior desenvolvimento no setor energético, acompanhados de investimentos, tem impulsionado a expansão da produção de energia. A concentração desses investimentos na instalação de parques eólicos na região Nordeste chama a atenção. Levando em consideração a necessidade de compreender os fatores que tem levado a essa expansão na região Nordeste, foi analisado o histórico da produção de energia no Brasil. Este trabalho pretende mostrar como esse desenvolvimento acelerado interfere nas comunidades existentes próximas ao Complexo Eólico Tamboril, nos âmbitos social e ambiental, os embates territoriais existentes nesses locais, já que, todo o processo de produção e apropriação do solo, muda e transforma o espaço geográfico. A partir da metodologia utilizada que consiste em pesquisa bibliográfica, análise documental e trabalho de campo na perspectiva do método sistêmico, tornou-se nítido que embora algumas vantagens sejam atribuídas ao sistema de produção de energia eólica, existem pontos negativos relacionados tanto à fase de implantação do Complexo Eólico Tamboril quanto a fase de operação do mesmo, que produz efeitos temporários, permanentes e acumulativos ao geossistema.
URI: http://hdl.handle.net/20.500.11896/894
Aparece nas coleções:Geografia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
TccClarineDias.pdf1,38 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir